quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

Temos um jogo!!!! (Superbowl XLIX)

Se você não captou o significado do título, significa que você não é tão fã assim da bola oval, e esse domingo tem a chance de começar a se apaixonar pelo futebol americano.

Domingo é o dia do Superbowl, a final do campeonato de futebol americano da NFL, que, além de ser o evento mais visto da tv americana, é onde os melhores (melhor é aquele que chega na final, porque esporte nenhum nasceu pra ser justo) times da NFL disputam o troféu Vince Lombardi de campeão. Nessa temporada o jogo será entre o Seattle Seahawks (campeão do ano passado) e o New England Patriots (do Tom Brady, que você pode conhecer como "marido da Gisele Bündchen").



O Seattle Seahawks se classificou em um jogo épico contra o Green Bay Packers na final da NFC (a conferência nacional) com uma virada espetacular nos últimos minutos do jogo. O time manteve a base campeã do ano passado, com a sua famosa "Legion of Boom", que é o apelido da secundária (a parte de trás da defesa) e que tem como estrelas o cornerback Richard Sherman e o safety Kam Chancellor. O time é a melhor defesa da liga mas também é muito forte no ataque, tendo como melhores jogadores ofensivos o running back Marshawn Lynch (famoso por causar um pequeno abalo sísmico em Seattle durante uma jogada) e o quarterback Russel Wilson, que além de competente para lançar a bola é muito móvel, sendo uma excelente válvula de escape correndo com a bola quando necessário.


Já o New England Patriots não teve nenhuma dificuldade em vencer o Indianapolis Colts na final da AFC (conferência americana), apesar da polêmica das bolas murchas, e tem uma das duplas mais vitoriosas da história da NFL: Tom Brady e o técnico Bill Belichik. O time é o melhor ataque da NFL, com um jogo aéreo muito perigoso, cortesias do espetacular Tom Brady, que já tem 3 títulos do Superbowl, do grupo de wide receivers (principalmente Julian Edelman e Danny Amendola) e do concorrente a melhor Tight End da história da NFL, Rob Gronkowski, além de ter uma grande variedade de jogadas graças ao grande treinador e também ser perigoso no jogo terrestre, que consegue aliviar com muita competência a pressão no jogo aéreo e permite que Brady não seja sempre o alvo da defesa dos adversários. No entanto, assim como Seattle, o time não é unidimensional, tendo uma defesa bem forte, que tem como principal nome o também cornerback Darelle Revis.


Existe uma máxima no futebol americano que diz: "ataques ganham jogos, defesas ganham Superbowl". Será que ela vai se confirmar? Ou Brady vai se redimir das duas últimas derrotas (ambas pros Giants de Eli Manning), calar Richard Sherman, anular a legião do boom e levar o 4º troféu pra casa?

Eu não sei responder essa pergunta, mas espero que o jogo seja disputado até o final e que traga muitos momentos memoráveis para esse esporte fascinante. Se você tem um palpite, deixe nos comentários e veremos quem entende de NFL por aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário